sábado , 27 novembro 2021
SRB repudia imposição de regras da UE de commodities agrícolas do Brasil

SRB repudia imposição de regras da UE de commodities agrícolas do Brasil

Teresa Vendramini Divulgação Governo do Estado de São Paulo

Legenda: A pecuarista e socióloga Teresa Vendramini, presidente da Sociedade Rural Brasileira – 

A Sociedade Rural Brasileira divulgou nota para manifestar “indignação” com a proposta anunciada pela União Europeia de restringir importações de commodities agrícolas por questões ambientais, sem considerar os recentes acordos internacionais. “A SRB apoia o ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, que prometeu questionar a proposta da UE sob o argumento de desrespeito a soberania nacional dos países e por estar desalinhada ao Acordo de Paris”, disse a entidade no comunicado.

“Nenhum país até hoje estabeleceu 80% de preservação da floresta em propriedades privadas, assim como estabelece nosso código para o bioma Amazônia”, destacou a presidente da SRB, Tereza Vendramini. Para a SRB, a proposta da UE de enquadrar o Brasil como de alto risco para desmatamento “desconsidera a classificação das práticas legais, feitas de acordo com a lei, daquelas que são ilegais” (Broadcast, 18/11/21)

Verifique também

Governo Federal lança guia com indicadores de qualidade para os serviços veterinários de saúde animal

Governo Federal lança guia com indicadores de qualidade para os serviços veterinários de saúde animal

O Governo Federal, por meio do Departamento de Saúde Animal da Secretaria de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, lançou o guia Indicadores da Qualidade dos Serviços Veterinários, para apoiar a gestão da qualidade dos Serviços Veterinários Estaduais (SVEs), que representam as instâncias intermediárias do Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária (Suasa).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *