sábado , 27 novembro 2021
51647462067_7949a37077_c

Rafael Gava marca no fim, e Cuiabá bate Bragantino

Foi um massacre nos 90 minutos, mas o gol só saiu no finalzinho da partida, aos 49 minutos do segundo tempo, com Rafael Gava. A partida disputada nesta segunda-feira com ótimo público (mais de seis mil) na Arena Pantanal foi válida pela rodada 29.

Com a vitória, o Dourado foi aos 38 pontos na tabela e voltou ao décimo lugar na tabela de classificação. O Cuiabá volta a jogar nesta quinta-feira, contra a Chapecoense, novamente na Arena Pantanal, em jogo adiantado da rodada 31.

O primeiro tempo foi movimentado, com amplo domínio do Cuiabá empurrado pela torcida que compareceu em peso na Arena Pantanal. A primeira boa chance do Dourado veio em cabeçada de Paulão após cruzamento de Uendel. Jenison também quase abriu o placar após driblar o goleiro, mas acabar desarmado na hora do chute. O Bragantino chegou a ter um pênalti assinalado, mas a bola bateu na trave.

Na etapa final, a equipe auriverde continuou tomando as ações da partida e chegou com perigo logo no começo em cabeçada de Camilo. Pouco depois, Max escorou cruzamento de João Lucas, mas o goleiro defendeu em dois tempos. A pressão era grande e o Cuiabá criou mais uma em cruzamento de Pepê que quase Elton alcançou. O mesmo Elton quase marcou já no fim, mas o chute dentro da área saiu por cima. Nos acréscimos, Rafael Gava bateu falta com maestria, mas o goleiro saltou para defender. No último lance, Felipe Marques fez boa jogada pela esquerda e cruzou na medida para Rafael Gava marcar o gol da vitória. E que VITÓRIA!!

O time
Walter, João Lucas, Alan Empereur, Paulão e Uendel; Yuri, Camilo (Felipe Marques), Pepê (Uillian Coreia) e Max (Rafael Gava); Clayson (Cafú) e Jenison (Elton). Técnico: Jorginho.

Verifique também

Atlético-MG segura ansiedade por título que não chegará no fim de semana

Atlético-MG segura ansiedade por título que não chegará no fim de semana

BELO HORIZONTE, MG (UOL/FOLHAPRESS) – Para o torcedor do Atlético-MG a sensação é de que …