sábado , 25 junho 2022
b6eb4480773b92ee54af627ab11321b9-2

Prefeito comemora licença para instalação da extensão da Ferrovia Senador Vuolo e destaca fomento econômico

O prefeito Emanuel Pinheiro e o presidente do Fórum Pró-Ferrovia e secretário de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Franciso Vuolo, comemoraram a informação divulgada pela empresa Rumo Logística na manhã desta terça-feira (14), que conseguiu a licença de instalação da Ferrovia Estadual Senador Vicente Emílio Vuolo, em Mato Grosso.

A licença autoriza o início da instalação dos trilhos nos primeiros oito quilômetros do projeto de extensão da ferrovia que ligará Cuiabá a Rondonópolis, passando por Nova Mutum e Lucas do Rio Verde. No mês passado, Pinheiro e Vuolo foram recebidos pelo presidente da Rumo, Beto Abreu e diretores da empresa, durante uma reunião para debater sobre o plano para expansão dos trilhos aquedados ao Plano Diretor do município de Cuiabá.

“Esse é mais um passo para a tão sonhada chegada da ferrovia na nossa capital. Já apresentamos a Rumo os estudos da revisão do Plano Diretor onde foca Cuiabá para os próximos 30 anos. Queremos não só conhecer os planos de expansão dos trilhos que a Rumo tem para Cuiabá e adequá-los ao nosso Plano Diretor, como também adequar o Plano Diretor com o traçado desse sonho de todos os cuiabanos. Em breve, teremos uma visita técnica da equipe da Rumo a nossa capital e traremos mais detalhes para toda a população cuiabana”, destacou o prefeito.  

Um dos maiores entusiastas do projeto, Francisco Vuolo, filho do senador Vicente Emílio Vuolo, afirma que a partir de agora, começa a contagem regressiva para a chegada da ferrovia a Cuiabá, que deve receber os trilhos em até cinco anos.

“A partir de agora a gente começa a materializar o sonho de transformar toda essa região em um grande potencial econômico em função da chegada desse modal.  É um dia de muita alegria, vamos pisar no acelerador para preparar a nossa cidade, fazer adequações junto ao nosso Plano Diretor, investir em qualificação da mão de obra e, em breve, vamos comemorar a chegada dos trilhos na nossa querida Cuiabá”, comemorou Vuolo.

FERROVIA

Conforme o projeto elaborado pela Rumo Logística, serão implantados cerca de 730 quilômetros de linha férrea, ligando Cuiabá a Rondonópolis, passando ainda por Nova Mutum e Lucas do Rio Verde. Estão previstas também a conexão dos trilhos com a malha ferroviária nacional (Porto de Santos) e a construção de pelo menos três terminais, sendo um na capital mato-grossense.

A extensão dos trilhos será executada via Lei Complementar 685/2021, aprovada por unanimidade na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), que regulamenta o Subsistema Ferroviário de Mato Grosso, regulamentado pelo Decreto Estadual 881/2021. A previsão é que a obra com investimentos de R$ 11,2 bilhões seja iniciada em 2022 e entregue em 2025.

 

Verifique também

5a61eb0d-62d0-4625-b185-a4edafb7d877

Ameaça a mulheres parlamentares via e-mail pode configurar crime, afirma GT do MP Eleitoral

Notícia sobre ataques recebidos por vereadora e deputada do RJ foi encaminhada à unidade do MP Eleitoral no Rio de Janeiro para análise