quinta-feira , 18 agosto 2022
27844012ae8ccc936c4bfb6ddcbd22eb-1

Na próxima segunda-feira (8), a Secretaria Municipal de Saúde começa a realizar as cirurgias eletivas do programa MT Mais Cirurgias. Todos os procedimentos serão feitos no Hospital e Pronto Socorro Municipal de Cuiabá (HPSMC). O anúncio foi realizado pelo prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, na noite de terça-feira (2), durante transmissão semanal. 

Segundo o diretor superintendente do HPSMC, Dr. Guilherme Salomão, serão realizadas 24 cirurgias por dia, inclusive aos sábados. “Mais de 800 pessoas já estão com as cirurgias marcadas para as próximas semanas. Os pacientes que foram triados e que não estão com as cirurgias agendadas ainda estão fazendo os exames pré-operatórios”, explicou o médico.

No primeiro momento serão realizadas as seguintes cirurgias: Colecistectomia, Fistulectomia / fistulotomia anal, Hemorroidectomia, Hernioplastia epigástrica, Hernioplastia incisional, Hernioplastia inguinal (bilateral), Hernioplastia inguinal/crural (unilateral), Hernioplastia recidivada, Hernioplastia umbilical, Gastrostomia, Histerectomia total, Laqueadura tubária, Varizes (unilateral) e Varizes (bilateral). “À medida que formos avançando nas cirurgias, outros procedimentos também serão contemplados”, comentou dr. Guilherme.

Estas cirurgias serão realizadas em pacientes de todo Mato Grosso, que aguardam na fila desde 2015 a junho de 2021. A coordenadora da Central de Regulação, Rafaely Metelo revelou que o programa MT Mais Cirurgias aprovou 11.500 procedimentos para Cuiabá, mas a Central de Regulação só encontrou 3.046 pessoas até a data de 1º de agosto. “Dos 3.046 que manifestaram interesse para passarem pelas cirurgias, 1.655 são de Cuiabá, 370 de Várzea Grande, 83 de municípios da Baixada Cuiabana e 938 de municípios do interior”, disse a coordenadora.

Ela ressaltou que as pessoas que aguardam algum procedimento cirúrgico desde 2015 a junho de 2021 podem entrar em contato presencialmente na Central de Regulação, na Av. da Prainha, esquina com Dom Bosco, em Cuiabá. Também podem entrar em contato pelo número fixo (065) 3614-5561 ou pelo WhatsApp nos números 3614-5548 e 3614-5558.

O prefeito Emanuel Pinheiro comentou que diminuir a fila de cirurgias é um desejo antigo de sua gestão. “Não estamos medindo esforços para conseguirmos diminuir a fila da Central de Regulação. Essa fila sempre vai existir, porque sempre há pessoas que precisam passar por procedimentos, então estamos trabalhando arduamente para que o tempo de espera seja o menor possível. Não é um trabalho fácil, porque essa é uma situação que vem de muitos anos, desde gestões anteriores, mas estamos fazendo o possível para resolver e vamos conseguir”, finalizou o prefeito.

 

Verifique também

b555d85db545a1891b9750044aa36453-1

Membros do Conselho Municipal de Educação de Cuiabá participam de formação continuada

O foco é a construção de saberes para que os integrantes possam analisar, normatizar e emitir pareceres