sábado , 27 novembro 2021
Condutor do veículo que transportava a droga foi preso em flagrante

Polícia Federal realiza apreensão de 183 kg de drogas em Redenção/PA

Redenção/PA – Na quinta-feira (5/11), a Polícia Federal prendeu um homem em flagrante transportando a quantidade aproximada de 183 kg de cocaína em Redenção/PA.

A partir de uma denúncia anônima, uma equipe de policiais federais iniciou diligências na BR 155, sentido Xinguara/PA, objetivando localizar uma carreta oriunda do Estado de São Paulo, com suspeita de estar transportando substâncias entorpecentes.

Ao passarem pelo município de Pau D´Arco/PA, cerca de 25 km de Redenção/PA, avistaram uma carreta com as características informadas, estacionada em um posto de combustível daquela cidade. Os policiais realizaram a abordagem do veículo e deram comando para que o motorista descesse da cabine. O condutor obedeceu ao comando demonstrando grande nervosismo.

Diante de fundadas suspeitas de que algo ilícito estivesse sendo transportado no veículo, os policiais federais iniciaram procedimento de revista na carroceria, logrando êxito ao encontrar quatro malas de viagem contendo 170 tabletes envolvidos em fitas plásticas. Em seu interior, constatou-se a presença de substância ilícita, possivelmente cocaína.  Após devida a pesagem da droga, restou confirmada a quantidade de cerca de 183 kg da substância entorpecente.

O condutor do veículo foi preso em flagrante e levado ao sistema penitenciário, local em que permanecerá à disposição da Justiça.

Confirmada a hipótese criminal de tráfico interestadual de drogas, previsto no art. 33, caput c/c art. 40, V da Lei nº 11.343/2006, o flagranteado poderá ser condenado a penas que variam entre 5 a 17 anos de reclusão, além de pagamento de multa.

As investigações seguem em andamento.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Redenção/PA

Contato: (94) 3424-9800

Verifique também

img-20211126-wa0125

Policiais civis prendem em flagrante suspeito de usar documentos falsos para obter empréstimos

No momento do flagrante, ele tentou oferecer vantagem aos policiais para não ser preso