sexta-feira , 20 maio 2022
1.jpg

PF reprime crimes de pedofilia na internet

Rio Branco/AC. A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira, (3/5), a Operação Exchange, para investigar as condutas criminosas de armazenar e/ou distribuir na internet imagens pornográficas de crianças e adolescentes.

Foi dado cumprimento a um mandado de busca e apreensão, na cidade de Rio Branco/AC, em cumprimento a ordem judicial da Justiça Federal de Rio Branco.

As informações iniciais foram encaminhadas pelo Serviço de Repressão a Crimes de Ódio e Pornografia Infantil da Polícia Federal (SERCOPI/DRCC) e aprofundadas pela Polícia Federal no Estado do Acre, o que culminou na deflagração da operação.

A investigação é sobre a conduta de um suspeito que teria armazenado e disponibilizado fotografias e vídeos contendo cenas de sexo explícito ou pornográficas envolvendo criança ou adolescente. As penas dos referidos crimes, previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente, variam de 3 a 6 anos, no caso de compartilhamento, e de 1 a 4 anos nos casos de armazenamento desse tipo de material criminoso.

O nome da operação (EXCHANGE), significa “intercâmbio” e faz referência ao fato de o investigado se utilizar da rede mundial de computadores com a finalidade de realizar intercâmbio de cenas de pornografia envolvendo criança ou adolescente.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Rio Branco

cs.srac@pf.gov.br

 

Coordenação-Geral de Comunicação Social da Polícia Federal

Contato: (61) 2024-8717

Verifique também

Sergipe.jpeg

PF cumpre mandado contra suspeito de explorar pornografia infantil na internet

Durante a ação, o investigado foi preso em flagrante