segunda-feira , 16 maio 2022
operação Rapina Acre.jpg

PF desarticula grupo criminoso responsável por assaltos a carteiros no Acre

Rio Branco/AC – A Polícia Federal deflagrou hoje (5/5), com a cooperação da Polícia Militar do Acre, a Operação “RAPINA”, para combater a prática de reiterados roubos à mão armada cometidos contra carteiros da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, na cidade de Rio Branco/AC.

 Ao todo foram cumpridos seis mandados judiciais, sendo um mandado de prisão preventiva e cinco mandados de busca e apreensão, todos na cidade de Rio Branco/AC.

 Durante as investigações, que iniciaram em abril de 2022, a Polícia Federal recebeu notícias de fatos advindas dos Correios, que narravam a prática de diversos crimes de roubo contra os seus empregados.

 Restou apurado que os assaltantes, mediante grave ameaça e violência, abordavam os carteiros e os obrigava a seguir o grupo criminoso para outro local, onde os demais integrantes da organização se juntavam, com a finalidade de subtrair todas as encomendas do interior do carro dos Correios.

 O preso responderá por três crimes de roubo qualificado (art. 157, §2, II e §2-A, I do C do Código Penal) e Organização Criminosa (prevista no artigo 2 da Lei 12.850 de 2013). As penas para esses crimes podem ultrapassar a 15 anos de reclusão.

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Acre

Contato: (68) 3212-1200 / 3212-1211/ 3212-1213
E-mail: cs.srac@pf.gov.br

 

 

 

*** A investigação conduzida pela Polícia Federal foi denominada de “Operação Rapina”, pois este nome faz referência as aves predadoras, que são conhecidas por raptar suas presas, o que explica o seu nome, que seria sinônimo de roubar violentamente, conduta esta praticada por diversas vezes pela organização criminosa.

Verifique também

58db09a8-417e-4783-95af-255ec11bffea.jpg

PF localiza e prende foragido em Foz do Iguaçu/PR

Indivíduo foi condenado por tráfico internacional de drogas na Operação Aletria