terça-feira , 28 junho 2022
Palmeiras recebe o Atlético-GO em despedida temporária do Allianz Parque

Palmeiras recebe o Atlético-GO em despedida temporária do Allianz Parque

O Palmeiras se despede temporariamente do Allianz Parque nesta quinta-feira. O desafio ante o Atlético-GO, às 18h, pela 12ª rodada do Brasileirão, é o último na arena alviverde antes da sequência de quatro partidas decisivas como visitante por três competições diferentes.

Não serão os shows musicais que vão tirar o Palmeiras de sua casa, mas sim um conflito de tabelas. Depois de receber os goianos, o time de Abel Ferreira joga duas vezes com o São Paulo, uma pelo Brasileirão, no domingo, e outra pelas oitavas da Copa do Brasil, dia 23 – ambas no Morumbi. Na sequência, encara o Avaí, novamente pelo torneio nacional, e, então, encara o Cerro Porteño no Paraguai, no início do mata-mata da Libertadores.

A sequência como visitante não preocupa o Palmeiras porque fora de casa o desempenho tem sido bom. No Brasileirão, longe de casa, o time está invicto. São três vitórias e dois empates em cinco jogos, o que resulta num aproveitamento de 73,3%, o melhor entre todos da Série A.

Em toda a temporada, a campanha como visitante apresenta apenas uma derrota, seis empates e dez vitórias em 17 confrontos. Esse único revés foi para o São Paulo, no jogo de ida da decisão do Paulistão. O aproveitamento fora do Allianz Parque, no cômputo geral, é de 70,5%.

O Palmeiras ostenta a maior série invicta do Brasileirão, a melhor defesa (cinco gols sofridos) e o melhor ataque (19 gols marcados). Além disso, está há seis rodadas sem sofrer gols pelo torneio nacional, terceira maior sequência da história do clube e, se ficar mais um duelo sem ter sua baliza vazada, alcançará a segunda maior série sem ser levar gols na história da competição.

“Temos uma sequência de jogos fora, que a gente precisa trabalhar bem e mentalizar para ganharmos o maior número de jogos possível”, disse o capitão Gustavo Gómez. Ele deve ser a novidade na escalação. O zagueiro retorna após desfalcar o clube nas últimas três rodadas do Brasileirão a serviço da seleção paraguaia.

Mesmo com o período ausente, o paraguaio continua como o segundo jogador do elenco com mais minutos em campo em 2022: 2864, atrás apenas de Weverton, com 2881.

Marcos Rocha e Jorge não tiveram lesões constatadas, mas são baixas. O primeiro trata mialgia na coxa direita, e o segundo cuida de trauma no joelho direito. Raphael Veiga continua em tratamento de lesão na coxa direita. Mayke está recuperado de uma tendinite, mas, com o longo período de inatividade, a tendência é de que o titular na direita seja o jovem Gustavo Garcia.

O Atlético-GO deve começar o jogo com os mesmos 11 escalados contra o Fluminense. Jorginho gostou da atuação na vitória sobre os cariocas no Rio e deve repetir a escalação. Embora brigue na parte de baixo da tabela, o time goiano vive boa fase. Soma duas vitórias seguidas, com 13 pontos.


Verifique também

Uniformes LGBT+ de Bahia e Vasco são sucesso nas arquibancadas

Uniformes LGBT+ de Bahia e Vasco são sucesso nas arquibancadas

Poderia ser só mais um gol de Germán Cano pelo Vasco. Mas o argentino ficou …