quinta-feira , 18 agosto 2022

Grileiros invadem fazenda da Boi Gordo que irá a leilão em MT

Um grupo de grileiros invadiu uma das 13 fazendas da Massa Falida Boi Gordo, que irá a leilão nesta sexta-feira (9), no município de Comodoro, a 677 km de Cuiabá. De acordo com a polícia, um homem foi preso e ainda deve prestar depoimento.

Segundo a Polícia Militar, a invasão ocorreu na terça-feira (7), na Fazenda Sperafico, onde os grileiros queimaram tendas, tratores e esteiras em uma área que já havia sido vendida no primeiro Leilão da Boi Gordo.

Falência

Criada em 1988, a empresa Fazendas Reunidas Boi Gordo iniciou em 1996 processo de abertura de investimentos em animais. Era um sonho para investidores que receberiam, após 18 meses, o lucro da venda do boi engordado com promessas de 42{ce2551fde2e1a4b26c8301536bdeec1ec9d30bdaca74ae8a9a9dcfce14bbd35b} de rendimento via certificados de investimentos.

Em 2001, a empresa pediu concordata, uma vez que o dinheiro investido passou a ser direcionado para outros negócios do fundador da empresa. Com uma despesa a pagar maior que a receita, a Boi Gordo faliu em 2004.

A área das fazendas que devem ser leiloadas foi dividida em 13 lotes. O processo de falência tramita na 1ª Vara Cível do Foro Central da Comarca de São Paulo.

Leilão das propriedades

As fazendas da empresa estão sendo vendidas por determinação judicial para o ressarcimento das vítimas da pirâmide financeira, que pagava contratos vencidos com recursos de novos investidores.

Com os leilões, os mais de 32 mil credores da empresa devem reaver o dinheiro investido. O caso da Boi Gordo ficou conhecido no Brasil como um dos maiores episódios de falência envolvendo pirâmides financeiras.

Os dados sobre as fazendas estão disponíveis no site da Lut Leilões.

 

Por G1-MT

Verifique também

Antonela Avellaneda diz que vendia nudes para Maradona

Antonela Avellaneda diz que vendia nudes para Maradona

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Antonela Avellaneda, 39, revelou que, antes mesmo da fama, teve …