sábado , 25 junho 2022
A equipe do Governo de Mato Grosso com a deputada espanhola Mazaly Aguilar, no Parlamento Europeu, na Bélgica.

Governo de MT abre diálogo com países europeus sobre mercado de exportação da carne

O secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec), César Miranda, participa nesta semana de reuniões com autoridades da União Europeia para apresentar os programas sustentáveis do agronegócio implementados em Mato Grosso e sensibilizar os países a reverem as estratégias e as políticas comerciais de exportação da carne mato-grossense. As reuniões ocorrem em Bruxelas, na Bélgica.

César Miranda e o presidente do Instituto Mato-grossense da Carne (Imac), Caio Penido, já se reuniram com representantes de países como Holanda, Portugal e Dinamarca que compram a carne produzida no Estado, uma vez que o produto corre o risco de ser banido do comércio europeu.

“Nestas reuniões de trabalho, o Governo está apresentando as políticas públicas em prol do pequeno produtor, do combate ao desmatamento ilegal e de programas voltados para ações sustentáveis em todo Estado. Todas essas medidas foram implementadas na gestão do governador Mauro Mendes, e garantiram a redução no desmatamento ilegal e o aumento de abertura de áreas de produção regularizadas, conforme a legislação ambiental mais restritiva que existe no mundo, que é a brasileira”, destacou.  

De acordo com o secretário, nas reuniões também são apresentadas propostas para fortalecer a agenda ambiental, sugerindo por exemplo, remunerações pelos serviços ambientais prestados pelos produtores. “O produtor mato-grossense é o mais interessado em garantir a preservação de suas terras, e isso merece ter retorno financeiro, já que ele é capaz de aumentar a produção sem derrubar nenhuma árvore a mais”, pontuou.

Verifique também

5a61eb0d-62d0-4625-b185-a4edafb7d877

Ameaça a mulheres parlamentares via e-mail pode configurar crime, afirma GT do MP Eleitoral

Notícia sobre ataques recebidos por vereadora e deputada do RJ foi encaminhada à unidade do MP Eleitoral no Rio de Janeiro para análise