sábado , 21 maio 2022
EUA. Descoberta da Ômicron em animais gera preocupação sobre variantes

EUA. Descoberta da Ômicron em animais gera preocupação sobre variantes

A descoberta da variante Ômicron em veados de cauda branca em Nova York levantou preocupações de que a espécie – que chega a 30 milhões nos Estados Unidos – possa se tornar hospedeira de novas variantes, revela um estudo divulgado nesta terça-feira e citado pela Reuters.  

Sangue e algumas amostras nasais de 131 veados capturados em Staten Island, Nova York, revelaram que quase 15% tinham anticorpos contra o vírus. A descoberta sugeriu que os animais estiveram infectados com Covid e eram vulneráveis ​​a repetidas reinfecções com novas variantes, revela a pesquisa liderada por cientistas da Universidade Estadual da Pensilvânia.

“A circulação do vírus numa população animal aumenta a possibilidade de voltar aos humanos, mas, mais importante, oferece mais oportunidades para o vírus evoluir para novas variantes”, disse Suresh Kuchipudi, microbiologista veterinário da Universidade Estadual da Pensilvânia.

“Quando o vírus sofre uma mutação completa, pode fugir da proteção da vacina atual. Teríamos que mudar a vacina novamente”, afirmou Kuchipudi.

A descoberta ocorre numa altura em que nos Estados Unidos aumenta o número de infecções por Covid-19 impulsionadas pela variante Ômicron. 

Verifique também

Em 1ª viagem à Ásia, Biden afirma que futuro será escrito no Indo-Pacífico

Em 1ª viagem à Ásia, Biden afirma que futuro será escrito no Indo-Pacífico

SÃO PAULO, SP – Joe Biden desembarcou nesta sexta (20) na Coreia do Sul em …