quarta-feira , 18 maio 2022
88382cb8134759b696ba38581b398fdf-1

Dia D de vacinação contra Influenza e Sarampo registra mais de 10 mil atendimentos; campanha segue vigente em Cuiabá

O Dia D de Vacinação de contra a Influenza e o Sarampo promovido pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), superou as expectativas e alcançou nesta edição mais de 10 mil pessoas dos grupos prioritários. A campanha segue vigente em todo o município, com a meta de vacinar 208.946 pacientes aptos a tomar as doses. 

A campanha permanece ativa desde o dia 11 de abril nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), exceto aquelas que realizam aplicação dos imunizantes contra a Covid-19 pediátrica, que são UBS Pedra 90 I e II, UBS Parque Cuiabá, UBS Quilombo, UBS Jardim Vitória I e UBS da Guia.

O coordenador da mobilização, Wellington Assunção Ferreira, comemorou os resultados angariados na ocasião única e reforçou o convite à população cuiabana para comparecer aos polos. “Conseguimos superar as perspectivas com mais de 10 mil pessoas vacinadas em único dia. Cuiabá está com todas as unidades abastecidas e preparadas com imunibiológicos para fazer a vacinação e a secretaria chama todos os munícipes classificados para procurar um posto mais próximo de sua residência com os documentos exigidos em mãos”, disse o gestor. 

O público-alvo da Influenza abrange, além dos trabalhadores da saúde e pessoas a partir dos 60 anos, crianças de 6 meses a 4 anos 11 meses e 29 dias, gestantes, puérperas, professores, profissionais das forças armadas e salvamento, funcionários do sistema de privação de liberdade, caminhoneiros, profissionais de transporte de longa duração e portuários, imunossuprimidos e pessoas com comorbidades e deficiência permanente, doença respiratória crônica, renal crônica, hepática crônica, neurológica crônica, diabetes, obesos, imunossupressão, transplantados, trissomias.

Já o Sarampo atende todas as crianças de 6 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias, independentes da situação vacinal. A determinação é válida para profissionais de saúde. Para ambas patologias, os pacientes, sejam eles, adultos e crianças, deverão apresentar o cartão de vacinação normal e contra o coronavírus. 

Em 2022, conforme o calendário do Ministério da Saúde, a ação permanece corrente até o dia três de junho na capital.  Na zona rural, estarão abertas as UBS Guia, UBS Aguaçu e UBS Rio dos Peixes.

 

 

 

 

 

 

Verifique também

32075d35-e3b9-46bc-b88f-63ce038f52d9

Lei Seca: para PGR, medidas legislativas que protegem a coletividade são constitucionais

No STF, Augusto Aras defendeu norma que estabelece infração administrativa a motorista que se recusa a fazer teste do bafômetro